O Expresso Regional

Delação à PGR acusa Temer, senadores Aécio e Perrella, e aponta Mantega como elo de propinas ao PT

 Últimas notícias

Delação à PGR acusa Temer, senadores Aécio e Perrella, e aponta Mantega como elo de propinas ao PT

Delação à PGR acusa Temer, senadores Aécio e Perrella, e aponta Mantega como elo de propinas ao PT
maio 17
23:17 2017

Na delação premiada, o empresário Joesley Batista da JBS apresentou gravações, documentos e fez afirmações comprometedoras à Procuradoria-Geral da República (PGR).

Na gravação feita pelo empresário, o presidente Temer manda comprar o silêncio de Cunha. No áudio aprece Joesley dizendo ao presidente que estava dando a Eduardo Cunha e ao operador Lúcio Funaro uma propina na prisão para que permanecessem calados. Ao que Temer responde: “Tem que manter isso, viu?”

O depoimento e investigações da Polícia Federal envolvem também os senadores Aécio Neves (PSDB-MG) e Perrella (PSDB-MG).
Em uma outra gravação, Aécio pede R$2 milhões ao empresário, dizendo que precisava da quantia para pagar despesas para se defender na Lava Jato.

A família Perrella já ficou famosa em todo País em uma outra ocasião, após um helicóptero da sua empresa ser apreendido pela Polícia Federal em 2013, com 445 kg de cocaína, no Espírito Santo.

Joesley ainda afirmou à PGR que o ex-ministro Guido Mantega o ajudou junto ao BNDES e era o canal entre ele e o PT. De acordo com o do dono da JBS, Mantega negociava as propinas para serem distribuídas no partido.

Sobre o autor

Tuca

Tuca

Artigos relacionados

0 Comments

Sem comentários

Nenhum comentário até agora. Quer começar?

Comentar

Comentar

Your email address will not be published.
Required fields are marked *