O Expresso Regional

Peruíbe: 55 anos passados e um futuro pela frente

Peruíbe: 55 anos passados e um futuro pela frente

Peruíbe: 55 anos passados e um futuro pela frente
fevereiro 09
22:23 2014

ER

Por Tuca Fumagalli

Peruíbe de antigamente (acervo pessoal de Waldemir Arnaz Luiz)

Peruíbe de antigamente (acervo pessoal de Waldemir Arnaz Luiz)

Peruíbe está completando neste 18 de fevereiro de 2014, 55 anos de emancipação politico- administrativa. O Município veio construindo a sua história, com a participação de suas primeiras famílias de moradores e com aqueles que por aqui chegam, abraçam e, acabam se apaixonando pela encantadora Cidade do litoral sul de São Paulo.

Peruíbe, desde os seus primeiros passos como cidade emancipada, já demonstrava um reconhecido potencial turístico, despertando a atenção de visitantes e investidores na região.

 O "Trem do Pettená" com a locomotiva 3838, no pátio da estação de Peruíbe. Ao seu lado, junto à plataforma, a locomotiva 3676, do trem da linha Santos-Juquiá. Anos 1990 (Foto José Agenor).

O “Trem do Pettená” com a locomotiva 3838, no pátio da estação de Peruíbe. Ao seu lado, junto à plataforma, a locomotiva 3676, do trem da linha Santos-Juquiá. Anos 1990 (Foto José Agenor).

Pela ferrovia, a Cidade durante cerca de 16 anos foi o destino certo de um dos trens turísticos mais disputados no estado de São Paulo. Numa época em que ainda haviam trens de passageiros para o litoral, a Peruíbe recebia o conhecido “Trem do Coronel Pettená”. A composição exclusiva partia lotada da cidade de Campinas ou da Barra Funda, na capital, trazendo semanalmente centenas de turistas.

Vista aérea da orla da praia de Peruíbe (Foto: Lelo/ ER)

Vista aérea da orla da praia de Peruíbe (Foto: Lelo/ ER)

Hoje, milhares de pessoas vindas de diferentes partes e regiões visitam Peruíbe durante o ano todo. Mas é durante a temporada de dezembro a fevereiro, que a Cidade recebe o seu maior público.

Ainda existe muito por se fazer em uma cidade com apenas 55 anos de vida, porém, quando comparamos Peruíbe a outros municípios seculares, admiramos o seu presente e, vislumbramos o futuro promissor que espera por esta, que é uma das caçulas do litoral paulista.

Praia do Costão, em Peruíbe - SP. (Foto: Lelo/ ER)

Praia do Costão, em Peruíbe – SP. (Foto: Lelo/ ER)

Em defesa dos 55 anos da história de Peruíbe, não podemos nos esquecer dos homens e mulheres que ocupam ou ocuparam cargos no Executivo, deixando a sua marca e contribuição para com a Cidade. São eles: Geraldo Russomano (prefeito), Albano Ferreira (prefeito), Gheoghe Popescu (prefeito), Benedito Marcondes Sodré (prefeito), Nicolau Cucki Filho (vice- prefeito), Aléssio Lacerda (vice- prefeito), Ronaldo Gomes Soares (vice- prefeito), Wilma Carmen Castan (vice- prefeita), Mario Omuro (prefeito), Francisco Puccio Guco (vice- prefeito), José Carlos Rúbia De Barros (vice- prefeito), Alberto Sanches Gomes (prefeito), Elias Abdalla Neto (vice- prefeito), Gilson Bargieri (prefeito), José Roberto Preto (prefeito), Julieta Omuro (vice- prefeita e prefeita), Milena Bargieri (prefeita), Nelson Gonçalves Pinto (vice- prefeito) e Ana Preto (prefeita atual).

Resgatando um pouco da memória peruibense, lembramos de uma conclusão que sempre chegava o saudoso Coronel Rodolpho Pettená, um dos maiores divulgadores do Município. Já naquela época, Pettená concluía que, “Peruíbe é apenas diferente”. Ele estava certo.

Para ler mais notícias, curta a página do Expresso Regional no Facebook, siga nosso Twitter ou adicione ao Google+

Clique no ícone abaixo para a página principalER special5

PERUÍBE, ITANHAÉM, MONGAGUÁ, ITARIRI, PEDRO DE TOLEDO, MIRACATU, PRAIA GRANDE, IGUAPE, JUQUIÁ, ILHA COMPRIDA, REGISTRO.

 

 

 

 

Artigos relacionados

0 Comments

Sem comentários

Nenhum comentário até agora. Quer começar?

Comentar

Comentar

Your email address will not be published.
Required fields are marked *