O Expresso Regional

Tribunal de Contas do Estado divulga Índice de Efetividade da Gestão Municipal

 Últimas notícias

Tribunal de Contas do Estado divulga Índice de Efetividade da Gestão Municipal

Tribunal de Contas do Estado divulga Índice de Efetividade da Gestão Municipal
outubro 05
20:38 2015
Somente quatro cidades da Baixada Santista apresentaram avaliação máxima na área da Educação. Na Saúde Pública, os destaques foram para Santos, Praia Grande, Peruíbe e Itanhaém. 
Da Redação-

Nesta segunda-feira (5), o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP), divulgou os dados do Índice de Efetividade da Gestão Municipal – IEGM 2015, referentes ao ano de 2014. O Índice é o resultado do levantamento realizado junto às 644 prefeituras do Estado, avaliando a efetividade dos investimentos e das políticas públicas desenvolvidas por seus respectivos gestores municipais.

As cidades paulistas foram avaliadas em sete áreas temáticas, sendo: educação, saúde, planejamento, gestão fiscal, meio ambiente, cidade e tecnologia de informação. Para cada uma dessas áreas existem as faixas de qualificação: (A) Altamente Efetiva – índice com pelo menos 90% da nota máxima e, no mínimo, cinco índices com nota “A”, (B+) Muito Efetiva – índice entre 75% e 89,9% da nota máxima, (B) Efetiva – índice entre 60% e 74,9% da nota máxima, (C+) Em fase de Adequação – índice entre 50% e 59,9% da nota máxima e (C) Baixo Nível de Adequação – menor ou igual a 49,9%. O levantamento feito pelo TCESP demonstra a relação existente entre as ações dos governos e as necessidades da população.

De acordo com o relatório, na Baixada Santista, as quatro cidades que obtiveram o índice máximo na área da Educação foram: Santos, Praia Grande, Guarujá e Peruíbe. Já no setor da Saúde, aparecem com os melhores índices: Santos, Praia Grande, Peruíbe e Itanhaém. No geral, as maiores médias ficaram com Santos, Guarujá e Itanhaém, seguidas de perto por Peruíbe, Praia Grande, São Vicente, Cubatão e Bertioga. A pior média geral foi obtida pela cidade de Mongaguá,
Confira abaixo os Índices de Efetividade, e a média geral de todas as cidades da Baixada Santista:
Cidade          – Educ  –  Saúde  –  Planej  – G Fiscal  – M Ambiente  – Cidade  –    Tec Inf    – Média Geral
Peruíbe          – A          – B+         – C           – B               – B               – B+           – C+            – B
Itanhaém       – B+        – B+         – B+        – B               – B+            – C+            – B             – B+
Mongaguá      – B          – C+         – B+        – B                – B+           – A              – B              – C+
P Grande       – A           – A           – C           – B+             – B               – B              – B+           – B
S Vicente       – B+        – B            – B+        – B                – B+            – C+            – C             – B
Santos           – A           – A            – B         – B                – A               – A              – B+           – B+
Cubatão         – B+        – B            – C           – C+             – B+             – A              – B+           – B
Guarujá         – A          – B            – C+          – B               – B+            – B+             – B+          – B+
Bertioga        – B+         – B            – B           – B              – C+              – A              – C+           – B
 ______________________________________________________________________________
Para ler mais notícias, curta a página do Expresso Regional no Facebook, siga nosso Twitter ou adicione ao Google+ Clique no ícone para a página principalLogo caixa pequena

Sobre o autor

Tuca

Tuca

Artigos relacionados

0 Comments

Sem comentários

Nenhum comentário até agora. Quer começar?

Comentar

Comentar

Your email address will not be published.
Required fields are marked *

Aperte o play para a melhor, rádio NOVA TUPI!

Procurando por flats em São Paulo?

r2-flats

http://www.flatsaopaulo.com/

Portal de Notícias ER

O Expresso Regional Baixada Santista

Participe do ER

Envie notícia

O Expresso Regional Vale do Ribeira