O Expresso Regional

UPA de Peruíbe: Vereador questiona valor de contrato quando comparado ao de Praia Grande

UPA de Peruíbe: Vereador questiona valor de contrato quando comparado ao de Praia Grande

junho 07
23:39 2013

ER

Da Reportagem

Na sessão ordinária do dia (5), na Câmara Municipal de Peruíbe, o vereador Dr. Luiz Maurício (PSDB) apresentou documentos obtidos junto ao site do Ministério da Saúde e, segundo demonstrado, a UPA de Peruíbe gasta mais e atende menos pessoas do que  a unidade de Praia Grande.

De acordo com dados do Ministério e do contrato firmado entre a Prefeitura de Praia Grande e a empresa gestora da UPA, a Cidade paga R$ 1,350 milhões para o atendimento de cerca de 50 mil pacientes/ mês. Já a cidade de Peruíbe mantém um contrato emergencial com a Associação Plural, pagando R$ 1.700 milhões para o atendimento de cerca de 15 mil pacientes/mês.

Conforme documentos exibidos pelo Dr. Luiz Maurício, o custo por paciente em Praia Grande é de R$27,00,  enquanto que em Peruíbe é de R$113,33. As informações trazidas pelo vereador, apontam para uma diferença de R$86,33 por paciente, entre a UPA de Praia Grande e a de Peruíbe.

“Exijo que a prefeita explique porque paga mais e atende menos pessoas. A comparação dessas informações indica uma situação muito grave acontecendo na Prefeitura de Peruíbe. Dinheiro público precisa ser usado com responsabilidade” disse o vereador denunciante.

O contrato emergencial existente entre a prefeitura de Peruíbe e a atual gestora da UPA, tem sido motivo de discussões durante as sessões na Câmara Municipal da Cidade.

Artigos relacionados

2 comentários

  1. Nancy
    Nancy junho 23, 18:08

    Gostaria de parabeniza-lo pela iniciativa e tambem deixar registrada a minha queixa a respeito da saude de Peruibe.
    Sou moradora ha 3 anos e estou pensando em ir embora daqui, pois pago meu IPVA e tantos outros impostos que deveriam ser destinados à saude e quando precisamos utilizar o pronto socorro, ficamos horas e horas para sermos atendidos, e quando detectado algum tipo de doença que não pode ser solucionada aqui, nos mandam para Praia Grande ou Santos, porque aqui nao existe laboratorio para exames, tipo: diagnoticar uma catarata por exemplo.
    Uma vergonha uma cidade tão bonita ter essa caracteristica de desleixo com a saude, que é o minimo que uma cidade deveria ter para atender a seus municipes com dignidade. Muita gente está indo embora daqui.
    Tive que gastar meu dinheiro com combustivel e mais 3h00 de viagem (ida x volta), porque o tal carro que levam as pessoas para fazerem exames, não estaria disponivel no dia da minha consulta, segundo o funcionario que me atendeu.
    Peruibe está uma vergonha, e essa prefeita veio para fechar com chave de ouro a decadencia dessa cidade.
    Mas a culpa é do governo que não tem capacidade de fiscalizar o dinheiro que são destinados às prefeituras das cidades.
    E com isso, os oportunistas vão enchendo seus bolsos com o nosso dinheiro e a gente mesmo fica sem o que é de direito.

    Responder esse comentário
  2. Graziela Jabur
    Graziela Jabur junho 10, 14:00

    Parabéns ao Dr. Luiz Mauricio pelo trabalho pautado pela transparência e seriedade. Peruíbe agradece!

    Responder esse comentário

Comentar

Your email address will not be published.
Required fields are marked *

Aperte o play para a melhor, rádio NOVA TUPI!

Visite nosso CANAL no Facebook

Canal Expresso Regional

Portal de Notícias ER

O Expresso Regional Baixada Santista

Participe do ER

Envie notícia

O Expresso Regional Vale do Ribeira